Pesquisar este blog

sábado, 3 de dezembro de 2011

Mas quem precisa de pára-raios... Temos Deus... Ou não?




“Mais forte do que a fé, somente pára-raios no topo de igrejas" - Doug Apollyon

Se Deus existe, porque as igrejas possuem pára-raios? Porque fazem seguro contra roubo, incêndio - estas coisas mundanas? Porque o avião do papa tem todos os itens de segurança da aviação civil – para o caso de, quem sabe né, cair? Estas são sem dúvida, grandes contradições... Primeiro porque a Religião sempre confronta a Ciência, e vice-versa, e portanto estão em oposição frontal.. Afinal, para a Ciência, Religião não passa de fábula, e de péssima qualidade... Ciência é pura ‘blasfêmia’, gritam os religiosos – Giordano Bruno, Galileu, entre outros que o digam... Afinal, a Religião prega a crença sem evidências – auto-ilusão -, enquanto Ciência outra defende o conhecimento, com evidência, provas, etc; enfiam, tudo o que necessitamos para construir a VERDADE...

Mas porque as igrejas e edificações religiosas, místicas, sagradas, em nosso tempo, fazem uso do conhecimento e da tecnologia decorrentes da Ciência... Uma criação dos hereges e infiéis... O pára-raios, inventado pelo notável cientista e humanista secular, Benjamin Franklin, e aperfeiçoado em nossos dias por nossos cientistas e engenheiros...



Na verdade os avanços científicos sempre foram recebidos pela ignorância e hipocrisia religiosa como nefastos, e ainda o são, como a importantíssima – e amaldiçoada - pesquisa com células tronco...

Mas porque as igrejas precisariam de pára-raios? Deus não é o criador – onipotente, onipresente e onisciente - de ‘tudo’ – e mais alguma coisa -, incluindo fenômenos meteorológicos? Afinal, Deus criou todo o Universo num fim de tarde, em um happy hour... 1022 estrelas num piscar de olhos... Ele poderia – facilmente - desviar os raios, descargas elétricas ‘malignas’, de seus templos e casas de adoração... Não é verdade? E por que não o faz? Bom, talvez porque ele simplesmente não exista...

Na verdade a fé religiosa é falaciosa, e os ditos homens de fé não confiam minimamente em seu criador... E recorrem a quem? À Ciência... Engraçado, não é?

'A Teologia nasce da falta de fé' - Karl Popper

Carlos Sherman
(adaptado de texto de Doug Apollyon)

Nenhum comentário:

Postar um comentário