Pesquisar este blog

sábado, 7 de janeiro de 2012

Os 'ismos'...


Um movimento composto por pessoas que acreditam em deuses, e em particular acreditam na existência do deus judaico-cristão-islâmico, e de seu filho Cristo - que era ele mesmo -, convencionamos chamar de 'cristianISMO'... Se acreditam no mesmo deus judaico-cristão-islâmico, mas não engolem o seu filho, chamamos de 'judaÍSMO'... Se continuam acreditando no deus judaico-cristão-islâmico, e no seu filho Cristo, mas prestam obediência a um senhor que mora em um castelo, o 'papa' - usa um chapéu pontudo, e é solteirão -, 'catolicismo'... Se acreditam no tal deus judaico-cristão-islâmico, mas de outra forma, e engolem o seu filho Cristo, mas incorporam outro enviado - Maomé -, mais importante do que todos os anteriores, isso será o 'islamISMO'... Se acreditam em desuses diferentes do seu, 'paganISMO'... Se acreditam em vários deuses e no sobrenatural, 'misticISMO'... Se acreditam em charlatões, 'charlatanISMO', se acreditam em charlatões disfarçados de divindades exóticas, 'xamanISMO'... Se acreditam em fantasmas, 'espiritISMO'... Se não acreditam em deuses, o 'ismo' é outro, 'ateÍSMO'...  Se não creditam em deuses, e nem no sobrenatural, muito menos em fantasminhas, 'materialISMO'... 

Se apostam no homem pelo homem, chamamos 'humanISMO', se querem servir, 'utilitarISMO', se apostam no conhecimento 'positivISMO'... Se apostam na racionalidade humana, 'racionalISMO'... E por aí vai... Mas os 'ismos', os rótulos, e os movimentos, embora sirvam ao propósito de discernir entre diferentes posições, guardam enorme imprecisão... Uma pessoa que siga o 'cristianISMO' pode acreditar em matar outras pessoas, para cumprir os desígnios de seu deus, como Hitler... Ou pode acreditar em Cristo e em atitudes humanas para com os demais, portanto, integrante do 'cristianISMO' e do 'humanISMO'... Seria portanto um 'cristianismo humanista'... Uma pessoa, como Stálin, pode declara-se parte do 'ateÍSMO', e acreditar em assassinar pessoas... Enquanto posso não acreditar em deuses, portanto integrante do 'ateÍSMO', mas repudiar veementemente qualquer tipo de injúria ou violência... De forma que o que conta é a ATITUDE INDIVIDUAL... 

O que você DIZ PENSAR, POUCO IMPORTA DIANTE DE SEUS ATOS... 

Deveríamos então agrupar os pertencentes ao 'assassinISMO', para conglomerar os que acreditam no direito de matar pessoas contrárias às suas posições... Teríamos então o movimento do 'assassinISMO cristão ou ateu, ou tanto faz'... Porque assassinar se sobrepõe a qualquer outra classificação... A generosidade, a solidariedade, se sobrepõe de igual maneira a outros 'ismos'... 'Generosismo', 'solidariIsmo', etc e tal...Cuidado com as generalizações, cuidado com os rótulos, cuidado com os ISMOS... 

O QUE CONTA, O QUE VALE, SEMPRE, SÃO AS ATITUDES INDIVIDUAIS, MESMO CAMUFLADAS EM MEIO AO COLETIVO, EM MEIO AOS 'ISMOS' DAS GENERALIZAÇÕES...

Carlos Sherman

Nenhum comentário:

Postar um comentário