Pesquisar este blog

domingo, 13 de maio de 2012

Quintana, plagiado e distorcido...




Publicaram:


"O absurdo não é uma cobra falante. O absurdo não é uma jumenta que fala. O absurdo não é uma virgem engravidar. O absurdo não é transformar água em vinho. O absurdo não é morto voltar à vida. O absurdo é não acreditar nisso tudo. #sociedadehipócrita." - Rhanniery Abner.


Objetei:

Está é uma variação 'REVERSA' do aforismo de Mário Quintana... Releiam... Acho que vocês se equivocaram desta vez... Rhanniery Abner está sugerindo 'claramente' que o 'absurdo é NÃO acreditar nisso tudo' - ou seja, em toda a sandice bíblica... Ou seja, está sugerindo que ACREDITEMOS nestes absurdos...

Isso sim é um 'non ultra plus' do absurdo...

O aforismo original de Quintana foi: 

"O milagre não é dar vida ao corpo extinto, Ou luz ao cego, ou eloquência ao mudo... Nem mudar água pura em vinho tinto... Milagre é acreditarem nisso tudo!"... 

Quintana está ironizando sobre acreditar em milagres... 

Rhanniery comete dois graves erros, primeiro não creditando a Quintana a originalidade da reflexão, e depois INVERTENDO o sentido... Só existe uma explicação para tal distorção, um mero equívoco na redação do aforismo por parte de Rhanniery... O que não soluciona o primeiro problema de dar o crédito de originalidade a Quintana, embora Rahanniery tenha realmente alterado o aforismo; que até seria até bem interessante, não fosse a INVERSÃO completa do sentido, por erro ou por convicção... 

O fato é que Quintana, cético, foi deturpado.... E já havia sido deturpado antes... Cliquem no link abaixo:


Quintana - Conjugação Verbal, Ética e Ilusão...

Carlos Sherman


Um comentário:

  1. Olá, sou Rhanniery, o autor da frase acima que foi publicada na ATEA. De fato, eu não sabia que existia uma frase semelhante a que eu postei lá e percebi que me equivoquei ao me expressar ao escrever 'O absurdo é NÃO acreditar nisso tudo'. Se já existia uma texto, peço desculpas, aliás, peço desculpa duas vezes por dois equívocos. Obrigado.

    ResponderExcluir