Pesquisar este blog

sábado, 23 de junho de 2012

Preconceito, Ignorância e Genialidade... Alan Turing...



A genialidade de Alan Turing é homenageada hoje - 23 de Junho - pelo Google - que lhe concedeu um Doodle - e pelo mundo afora, e está simbolizada no dia de seu nascimento... Turing foi o precursor da computação, e transformou o destino da humanidade... Foi também um herói silencioso na Segunda Grande Guerra, tendo usado os seus conhecimentos criptográficos para desvendar mensagens de guerra alemães, poupando os britânicos e o mundo de atrocidades ainda maiores nas mãos dos meninos do Führer... Mas Turing também uma vítima, mas uma dramática e fatal vítima do preconceito e da ignorância... Neste sombrio capítulo e neste caso em particular, Turing foi uma vítima da ignorância 'britânica', na medida inversa das vidas que ajudou a salvar, e pagando com a própria vida, em um gesto de desespero e em face da grotesca e terrível punição à qual foi sentenciado: renunciar à sua liberdade... E isso em 1952... As desculpas 'post morten', proferidas por Gordon Brown, primeiro ministro britânico, em 2009, não atenuam a morte e as circunstâncias da morte de Turing... 

Mas confio que o aprendizado tenha sido assimilado, posto que os ingleses não mais condenam à prisão pessoas que sentem afeto e desejo por pessoas do mesmo gênero, e a Inglaterra pode ser considerada hoje um país na vanguarda do respeito às liberdades individuais... Mas na década de 50, pessoas como Turing eram condenadas à prisão por manifestarem publicamente sua homoafetividade... Cinicamente, o falso moralismo britânico condenou Turing à prisão por ter aderido a 'vícios impróprios'... E isso a pouco mais de 60 anos atrás, em meados do século XX... Para fugir à prisão, Turing aceitou ser submetido à 'castração química', medida terrível e ambígua, posto que tratar-se da administração - criminosa e vergonhosa - de hormônio 'feminino' - o estrogênio - na tentativa de eliminar o desejo sexual... Procedido  pelo estado governado pela 'rainha do jubileu'...  Esta atrocidade produziu o efeito colateral ambíguo e brutal de desenvolver seios em Turing... Humilhado e execrado, Turing decidiu interromper a própria vida em 07 de Junho de 1954, aos 42 anos...

Turing não só mudou a humanidade para sempre com sua participação na invenção da computação moderna, mas decifrou códigos de guerra, ajudou a salvar vidas, e fez uma derradeira incursão pela a química - talvez em uma tentativa desesperada de entender a anatomia e a sexualidade humana -, tendo contribuído no estudo das bases químicas para a morfogênese - desenvolvimento da forma dos organismos, tecidos e sistemas fisiológicos a partir do zigoto -, e tendo antecipado importantes conceitos sobre as reações químicas ditas 'oscilantes'... A química ajudou Turing a escolher a forma de morrer, assim como o clássico de Walt Disney 'Branca de Neve'... Turing declarava possuir "um prazer especialmente mordaz na cena em que a bruxa malvada mergulha a maçã na poção venenosa."... A'bruxa' em questão era o falso moralismo britânico, Turig representava a 'branca de neve', a poção venenosa escolhida foi um tipo de cianeto, e Turing literalmente comeu uma maçã envenenada - encontrada pela metade ao lado de sua cama e leito de morte por seu mordomo... Não houve beijo, nem o milagre disneylandico da ressurreição... Este exemplar HUMANO - troppo umano - estava morto...

Turing pode ter sido um cara esquisitão, mas deixou um legado de enormes contribuições à humanidade, e não fez mal a ninguém... Qual seria o 'Doodle' para o dia 07 de Junho? Como lembrar o martírio de um bom homem, real, que tantos benefícios trouxe de fato à humanidade? Em 07 de Junho os Cruzados cercaram Jerusalém em sua sandice messiânica e fantasiosa pela primeira vez - um legado de moralismo que pressionava o mundo em que Turing viveu... Portugal e Espanha assinaram o tratado de Tordesilhas, dividindo o Novo Mundo em duas partes - enquanto na vida de Turing a coroa britânica dividia 'vícios' em próprios e impróprios...  Estados Unidos e Inglaterra assinam em 07 de Junho um acordo para eliminar a escravidão - mas outro 07 de Junho bem mais recente, mostraria que a Inglaterra ainda não praticava a igualdade entre os homens, nem zelava pelos direitos civis dentro de casa... É assinado o Tratado de Latrão, criando o Estado vaticano -  o falso moralismo, a superstição e o cinismo ganham ainda mais poder... Sim, não há nada melhor para celebrar em 07 de Junho além da grandeza da resposta de Turing ao mundo: BASTA DE MENTIRAS E PRECONCEITOS... BASTA DE BRUTALIDADE, BASTA DE IGNORÂNCIA...

Carlos Sherman

Nenhum comentário:

Postar um comentário