Pesquisar este blog

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

História da Contracepção


Dr. Nilson Roberto de Melo - A história da contracepção começa com os métodos de barreira. No antigo Egito, as mulheres colocavam fezes secas de crocodilo no interior da vagina para impedir a gravidez. Mais tarde, no século XVI d.C., o grande número de parceiras que tinha o rei Henrique IV começou a preocupar os membros da corte, pois número maior de descendentes poderia trazer problemas para a estrutura social e política da Inglaterra. Foi idealizado, então, o primeiro preservativo. Feito com membrana de intestino de carneiro, era colocado no pênis para reter os espermatozoides.
Não se sabe se é verdade, mas dizem que mais tarde Casanova, preocupado também com o número de descendentes que poderia ter com suas parceiras, cortava limão ao meio, espremia o suco dentro da vagina delas, o que tornava o pH mais ácido e dificultava a penetração do espermatozoide. Não contente com isso, colocava o bagaço do limão espremido no colo do útero, que funcionava como um diafragma rudimentar.
Outro relato vem do quarto século depois de Cristo. Ao atravessar o deserto, os árabes eram tomados por grande preocupação: se as camelas estivessem ou ficassem grávidas naquelas longas jornadas, eles morreriam. Para evitar que isso acontecesse, descobriram que pequenas pedras colocadas no interior de útero desses animais impediam a gravidez.

Nenhum comentário:

Postar um comentário