Pesquisar este blog

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Sobre a Lucidez...



Publicaram uma crítica infundada sobre uma entrevista com Dennett, objetei:

Dennett não faz uso nenhuma classe de 'verdade pessoal', subjetiva... Ele não precisa disso... Ele oferece argumentos, e existem montanhas de outros argumentos que não foram colocados aqui, inteligíveis e suficientes, para uma mente adulta, que permitem concluir sobre a questão... 

Religião, fé, não podem ser - sob nenhum pretexto - colocadas lado a lado, nem comparadas com a atitude científica... Inventamos ciência para testar a nossa lucidez, e a 'crença na crença' e precisamente a 'falta de'...  O aparente objetivo da crença é bem diferente da Biologia da Crença... Quem não entende o abismo entre a atitude de 'tornar-se ciente', entre 'esperar para saber', e o desespero em 'crer', mesmo na ausência completa de evidências, com uma espécia de teimosia dogmática infinita, não pode entender o que disse Dennett... 

Além disso, sonhar com a coexistência entre 'fé' e 'ciência', denota o pleno desconhecimento sobre os labirintos da mente humana, e os graus de alucinação ao qual está sujeita... A ambição e o poder de uns, valem-se de tais alucinações de outros - os messias -, para governar sobre a vulnerabilidade de muitos... O lucrativo negócio de 'incutir o medo e vender a salvação'... 

Por 50.000 anos a expectativa de vida não superou a faixa dos 30-40 anos, desde o Homem de Cro-Magnon, passando pelos tempos bíblicos, e chegando até os limites da Idade Média, ou Idade das Trevas - o período em que as crendices dominaram o mundo... Cristo inclusive morreu um pouco abaixo da média... Mas em pouco mais de dois séculos de Ciência Médica, quando questionamos o grotesco dogma bíblico de sentenciar enfermidades como 'possessões demoníacas', fomos capazes de entender como realmente a fisiologia humana operava... Deus, na bíblia chama aos fragilizados leprosos de "imundos" e pecadores, desconhecendo fragorosamente o papel desempenhado pelo  bacilo responsável pela doença... Não podemos comparar a atitude responsável de 'tomar ciência', de 'tornar-se ciente', pelo estudo abnegado, com a crendice precária, e decorrente de algumas de nossas maiores vulnerabilidades neurofisiológicas... 

Também reduzimos a mortalidade infantil em mais de 40 vezes, nós, descrentes, que não fomos escolhidos e nem seremos salvos da desforra vingativa e sádica do Juízo Final... Vida longa à ressonância magnética...

Crendices são, no mínimo atitudes precipitadas, desesperadas, mas em geral, conduzem a equívocos e tragédias históricas... Não existe, por exemplo, nenhum traço do cristianismo em nossas melhores prática sociais... Tomando a bíblia, que bem conheço, posso assegurar que não a seguimos; seja em seus devaneios criminosos antigos ou nem tão antigos... Não apedrejamos filhos rebeldes, não assassinamos crianças - 42 -, despedaçando-as assim, sem mais nem menos, apenas por caçoar de um 'calvo', escolhido por deus... Não matamos aos milhões e aos bilhões, apenas porque não creem nos mesmos 'deuses' que nós... Não consideramos a misoginia, nem o sectarismo, nem a escravidão, como comportamentos 'humanos' aceitáveis...Não somos cristãos, de fato... 

E antes que alguns pensem em objetar sobre a mensagem crística, bíblica, informo que posso encher o chat como mais de 200 versículos, imediatamente - pérolas sobre a sandice bíblia... Além disso, disponho de um detalhado de 'extrato', contendo um a um, todos os assassinatos bíblicos - +/- 2,5 milhões -, documentados pela bíblia, e cometidos por deus ou a mando dele - versículo por versículo... Até o 'segundo humanicídio', o Apocalipse, que pesa apenas como ameaça, perene e incumprida... E 'segundo' porque a fábula infantil da 'arquinha' de Noé, costuma omitir um pequeno detalhes, o assassinato de toda a humanidade, como vingança - executado imaginem por quem? O Deus Pai Todo Poderoso... Criador patético, e destruidor implacável... 

Nas aulinhas de catecismo, o funcionários do Santo Ofício, omitem os corpos humanos boiando, mães, filhos, homens... , humanos como você e eu... Troppo Umanos... Reflita... A Ciência diz PENSEM, a Religião exige SUBMETAM-SE... Existem uma clara distinção... Triste destino... 

Mas ajude a transformá-lo... Releia com atenção... Seja digno, e se considera que possa refutar esta mensagem, então pense ainda mais... Seja honesto, livre, pensante... LÚCIDO... Faça o melhor que puder... E se puder, aceite os bons argumentos, desafie, mas preze por sua Integridade Intelectual, até o fim...

Carlos Sherman

Nenhum comentário:

Postar um comentário