Pesquisar este blog

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Thales: Gênero e a Natureza Humana: Feminismo e Psicologia Evolucionista




Debate sobre o sensacional trabalho de Thales Vianna Coutinho, 'Gênero e a Natureza Humana: Feminismo e Psicologia Evolucionista', disponível no YouTube...

(..) Thales, belíssimo trabalho - Gênero e a Natureza Humana: Feminismo e Psicologia Evolucionista -, espetacular... Cara, não sei como consegue aguentar tanto tempo... Perdi a paciência... Indivíduos não versados em Genética, Etologia, Neurofisiologia, insistem em chamar o seu trabalho de 'Cientificismo', evitam a Tábula Rasa, pelo extremo, mas não entende que a própria sociologia está fundada sobre falácias... O que pode ser Universal, pensem, sem ser natural??? Por mágica? Alma? 

Durkheim estava errado sobre "Omnia cultura ex cultura"... Na verdade, 'Omnia cultura ex hominem'... Natureza e meio afetam o comportamento individual, que associado à Geografia, produzem modos de viver dinâmicos, adaptáveis, as 'culturas', e tais culturas realimentam o comportamento individual... Mas tudo começa no 'Hominem'... 

Insisto, não existem discussões Filosóficas frutíferas sem um básico conhecimento sobre a NATUREZA HUMANA; e sobretudo do capítulo 'adesão à bandeiras', e mais além no que tange às 'alucinações'... O seu trabalho é primoroso, evita a discussão ideológica... Tudo esbarra, a priori, e foi notado por alguns, na discussão semântica, sim; mas mesmo neste sentido você cobriu-se de critérios, formalmente acadêmico, sem perder a abordagem coloquial e acessível aos leigos... Tanto é que os leigos se apressaram em opinar... 

Sugiro um próximo enredo: 'A Biologia da Crença' - e da crença em ideologias... Estamos fustigando a REALIDADE, e não perdendo tempo em discussões sofismáticas... O ôba-ôba opinativo inunda a rede, inunda a mídia... Parece difícil escutar, pesquisar, aprender... Todos acham que dispõe de 'opiniões' válidas, e ocupam palanques, sem a menor noção do que estão dizendo; míopes, mas na pele de um 'honoris causa'... 

O seu trabalho é esplêndido, e trata-se de um dos seus melhores posts, excelente pesquisa, estrutura e desenvolvimento... Aqueles que estudam e conhecem o tema, fatalmente reconheceram o seu valor... Bravíssimo Thales, esta é a sua 'masterpiece'... 

Sobre o comentário de um 'opinante' sobre a 'Psicanálise' ser 'científica', sem comentários; e sobre a impossibilidade de trabalhar com o cérebro humano como ciência, ainda pior... O enorme problema, que paira sobre a Psicanálise, e de quebra sobre a Sociologia, é exatamente considerar que o comportamento humano não pode ser reduzido à questões objetivas... Sendo este um ledo engano, justificado apenas pelo pleno desconhecimento da Genética, Etologia, e sobre tudo da Neurofisiologia... Inventamos a Ciência para testar a nossa lucidez... 

'Omnia cultura ex hominem'....

P.S.:

Eu estou a mais tempo no 'trecho', rsrsrsrsrs, e a minha personalidade está mais para Huxley - o Thomas, rsrsrsrsr... Mas tenho muita paciência, muita mesmo... Só estou cansado... Tenho publicado e deixado que quem pode aprender aprenda, e aprendo com a publicação de outros... A 'opiniologia geral' é desgastante demais... Por exemplo, tomemos o programa 'Saia Justa', que poderíamos até elencar entre os bons programas... Atores, atrizes, debatem temas 'técnicos'... Os temas existenciais são sempre tratados como meramente opinativos, achologia clássica... E pior ainda no caso de temas como educação e aprendizado, que por exemplo, não são tratados na presença de nenhum especialista... Celebridades, ao invés de estudiosos, ensinam como encarar a depressão, pessimismo, crenças, medo, etc.... 

Outra vez insisto, a sua 'aula' foi IMPERDÍVEL... Gostei muito o aproach... Você manteve todos as suas fortalezas, e trabalhou algumas debilidades... Gosto deste estilo íntimo, modesto, quase amigo, sem perder o formalismo acadêmico da boa retórica... Estou criticando a mensagem, que ao meu ver foi impecável, assim como o tom... O autor é um amigo, mas você sabe que quando tenho algo a objetar, e com todo o respeito, trato de exprimir sem medo de ser feliz... Como a crítica construtiva que fiz ao seu desenvolvimento do tema 'Ateísmo'... 

Mas tratarei de escutá-lo mais vezes, para aprimorar o meu conhecimento sobre este tema... Até aqui, só pude calar, aprender, e discorrer a minha admiração e o meu sincero apoio... 

Força sempre...

Carlos Sherman

Nenhum comentário:

Postar um comentário