Pesquisar este blog

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Estamos onde podemos estar... Só isso...





O meu grande amigo e inigualável artista Pedro La Colina escreveu:

O chefe da casa é um ladrão, mas o Brasil está mais preocupado de terminar as obras para a copa de futebol. Alguém pode me explicar que pais é este?



Respondi:

Um país inserido no mundo, populista, governado por um déspota, que de esclarecido não tem nada... Trata-se da diferenciação e distribuição genética na humanidade... Uns, muito ambiciosos, e muito atidos à falta total de escrúpulos, submetem outros, muitos mais, ao seu domínio hipnótico em sintonia com a vulnerabilidade reinante... Homens de bem, ou nem tanto, estão vulneráveis ao culto à personalidade, e seguem líderes tirânicos, deuses e religiões... Esta é uma realidade mais ampla, do qual o Brasil faz parte... Precisamos de mais tempo, num estado de melhoramento continuado, para reverter - em parte - este ciclo vicioso, como outros países já fizeram... 



Somos uma nação que envereda pela adolescência, ainda distante da maturidade... Mas que já superou muitos paradigmas... Não existem utopias no horizonte futuro, e o passado não foi melhor, como afirmam os pessimistas, e visivelmente desconhecedores da História... O Brasil de hoje - apesar dos pesares - ainda é melhor do que antes, mas está muito distante de onde gostaríamos que estivesse, exatamente porque não pode estar... Edir Macedo está na Forbes, com uma fortuna de 1,9 Bilhões de dólares, seguido por Malafaia, RR Soares, Valdermiro Santiago, Estevan... Chico Xavier, um charlatão doente, foi eleito o homem mais importante do Brasil... Lula, uma caricatura que esconde um verdadeiro capo mafioso, sufraga dois mandatos presidenciais, e deixa em seu lugar um clone igualmente nefasto... 



Assim caminha o Brasil, mas assim caminha a humanidade... Só podemos lutar pelo melhoramento contínuo, exatamente como você é eu estamos fazendo aqui e agora....

Carlos Sherman

Nenhum comentário:

Postar um comentário