Pesquisar este blog

segunda-feira, 8 de abril de 2013

Skeptomai




Um cara dedicado a ser 'o diferente' decidiu 'aparecer':

Só acredito que devo-lhe fazer um alerta sobre ceticismo: existem "céticos" que são anticientíficos. É o caso de Edmund Husserl, Michel Foucault, e diversos filósofos intitulados "pós-modernistas".  Mas não temo que você perderá tempo lendo esses nomes por conta da sua magnânime consideração do ceticismo em relação à ciência, que deve estar sempre de acordo com a razão e sobretudo, o rigor científico.

Destilei:

Não procede Glauber... Cético não é ser 'teimoso', ou 'do contra', do tipo 'sou contra a ciência'... E ciência é o ato de tornar-se ciente, pela prova... Tudo se resume ao mal entendimento semântico, e pura rotulação descabida... Uma pessoa não pode ser verdadeiramente cética e refutar tornar-se ciente por meio de evidências, provas e fatos... Isso mais parece filosofia de Marilena Chaui... Mera filosofia enciclopédica... Ser cético é fustigar a verdade... Um conceito pouco entendido e muito confundido... De forma que Focault e Husserl jamais foram céticos, stricto sensu... Apenas foram céticos em relação a A ou B, e passaram à história como céticos em relação a A ou B... O cético espera para tornar-se ciente pela prova... Espera para saber... O resto é achologia...

Carlos Sherman

Nenhum comentário:

Postar um comentário