Pesquisar este blog

terça-feira, 2 de abril de 2013

Ted Haggard: a RAIZ DE TODO O MAL... ACÉFALOS EM CRISTO...


Haggard, o 'Pastor Ted', é o fundador da igreja New Life Church, localizada na cidade de Colorado Springs, Colorado, EUA, liderando cerca de 30 milhões de 'fiéis ovelhinhas'... 

Ted Haggard 'ainda' tem a cara de pau declarar-se 'pastor evangélico'... Mas este americano de Colorado Springs já foi muito influente em sua sandice delirante e hipócrita... Conhecido por suas 'ovelhinhas' como o 'Pastor Ted', ele foi o fundador e agora 'ex-pastor' da 'Igreja Nova Vida' - New Life Church -, um dos fundadores da 'Associação de Igrejas Vivificantes' -  Association of Life-Giving Churches -, e líder da Associação Nacional de Evangélicos - NAE: National Association of Evangelicals - de 2003 até novembro de 2006... 

Em novembro de 2006, gravações confirmaram as denúncias de seu 'personal trainer' e 'namorado', o garoto de programas Mike Jones... Mike e Ted, mantiveram tórridas relações sexuais por 3 anos ininterruptos - haja rosca -, ao preço de USD 200,00 a 'bimbada', e isso como o dízimo da congregação... As gravações também não deixam dúvidas sobre as 'viagens narcóticas' de Haggard, à bordo de metanfetaminas ... 


Pois bem, Ted  Haggard, este 'cidadão' burro e reacionário, com o olhar de psicótico, que você vê no vídeo acima, é muito mais do que um maníaco ou acéfalo em cristo... Na realidade, este doentio patife, protagonizou ataques contra a homoafetividade e contra os gays em geral, vociferando suas maldições com base na bíblia - a mesma bíblia que você tem em casa, e que vergonhosamente encontramos na gaveta dos hotéis... Mas Haggard foi descoberto!!! E tenho afirmado, sempre existe algo doentio e desonesto por detrás da apologia cristológica exacerbada, e não estou me referindo aos que creem, mas ao que lucram com o negócio da fé... 

Haggard, este doente e imbecil, foi conselheiro de outro mega imbecil, e falso moralista de carteirinha, o então presidente 'George Bush', e ainda foi eleito pela 'Time Magazine' como um dos líderes evangélicos mais influente do mundo - se é que isso tem alguma importância, além de um monte de bosta -, liderando cerca de 30 milhões de analfabetos funcionais em Ciência do Ensino Fundamental... Mas este hipócrita reacionário, falsamente moralista, este cara com olhar de louco, e parecendo preencher o crânio com excremento, gostava de sair com garotos de programa enquanto se drogava... Ou seja, liberando a rosca e cheirando 'hunzinho' em nome do 'senhor'... Afinal do pó viemos, e ao pó voltaremos... Ao menos para Ted...


Após a divulgação do escândalo foi divulgado, Haggard passou por 'três semanas de aconselhamento intensivo', supervisionado por quatro 'ministros' de sua doentia seita... Em fevereiro de 2007, um desses 'ministros conselheiros, Tim Ralph, declarou: "Haggard é completamente heterossexual"... Ralph declarou ainda que "deu Ted as ferramentas para ajudar a abraçar o seu lado heterossexual"... Não me perguntem como Ralph chegou a tais conclusões, e muto menos sobre as tais "ferramentas"...

Em 01 junho de 2010, este mega cara-de-pau, 'o tio Ted', volta à cena, anunciando que formaria outro rebanho em Colorado Springs... Em Fevereiro de 2011, no entanto, Ted concede uma entrevista à Revista de Moda Masculina CQ Magazine, onde declara: "... se eu tivesse 21 anos, na sociedade atual, provavelmente me identificaria como bissexual"... Lembrando apenas que a especialidade de Ted, enquanto pastor, foi 'marchar' contra os homossexuais...

A Farsa

Em novembro de 2006, o garoto de programa e namorado de Mike Jones, depois de três anos de 'catracadas' com o 'tio Ted', descobriu a verdadeira identidade de Haggard, um híbrido de Malafaia com Feliciano, uma 'Malaiano', e colocou a boca no trombone: "Ele me deixou com raiva, pregando contra o casamento gay, e vivendo de sexo gay"... Jones fez alegações públicas em resposta ao apoio político de Haggard à Emenda 43, no Colorado, em 07 de novembro de 2006, que proibiria o casamento homossexual naquele estado... Jones aumentou a munição, e declarou à ABC News: "Eu tive que expor a hipocrisia de Ted. Ele está na posição de influenciar milhões de seguidores, e ele está pregando contra o casamento gay. Mas pelas costas de todo mundo, ele está fazendo exatamente o que ele pregou contra"... Jones esperava que suas declarações pudessem definitivamente influenciar os eleitores... Literalmente Ted entendia sobre 'fazer pelas costas', ou 'por trás', neste caso, dos eleitores... E Mike - apesar do que versa o falso moralismo cristão -, sendo gay, era também um humano que dizia a verdade... Enquanto o falso 'super-hétero', apesar de toda a hipocrisia 'cristiânica', era o humano que mentia... 

A resposta imediata de Haggard foi negar, e acusar Mike, valendo-se do golpe baixo de alegar que ele mentia por ser 'gay'... Ele disse à uma estação de televisão em Denver: "... eu não tinha um relacionamento homossexual com um homem. Estou firme com minha esposa. Eu sou fiel à minha esposa"... Em nome de deus... Mas este patife disse mais: "Eu nunca fiz uso drogas, e nem mesmo na escola, eu não fumo maconha, e não fiz nada parecido com que este homem diz, e eu não sou um homem de drogas, nem de bebidas.... Estou dedicado à família. Eu não fumo cigarros. Eu não bebo nem socialmente. Nós, evangélicos, não bebemos nem socialmente. Nós não temos sequer vinho em nossa casa. Nós não fazemos esse tipo de coisa."... Pois é, mentiras, mentiras, e mentiras... 

Muitos líderes evangélicos manifestaram apoio incondicional à Haggard, e criticavam a mídia do DEMO, incluindo James Dobson, que emitiu a seguinte declaração de apoio de Haggard: "É inconcebível que os meios de comunicação legítimos relatem um boato como este com base em nada além da acusação de um gay.... Ted Haggard é meu amigo, e parece que alguém está tentando prejudicar a sua reputação como uma forma de influenciar o resultado da eleição de terça-feira contra o casamento gay, e que Ted apoia"...

Mas Mike Jones havia gravado Ted em ação... Então veio a meia-verdade: "Eu comprei para mim, mas nunca usei. Fiquei tentado -pelo demo -, mas eu nunca usei"... Haggard alegou que comprou metanfetamina, mas jogou fora... Haggard afirmou ainda que sequer conhecia o seu acusador... Mas gradativamente Haggard foi admitindo quase todas as acusações contra ele , incluindo o uso de drogas, e demitiu-se de todos os seus cargos de liderança em organizações religiosas, incluindo a Associação Nacional de Evangélicos... 

Devido ao escândalo, Haggard solicitou 'licença administrativa' na Igreja de Nova Vida dizendo: "Eu estou afastando voluntariamente da liderança para que o processo contra mim possa proceder com integridade. Espero ser capaz de discutir esta questão com mais detalhes em uma futura data. Nesse ínterim, vou procurar por conselhos e orientação espiritual"... Em 2 de novembro de 2006, autoridades da Igreja disseram em Colorado Springs, na estação de televisão KKTV, que Haggard havia admitido algumas das acusações feitas por Jones... Em um e-mail para paroquianos da Igreja New Life, enviado na noite de 02 de novembro, o 'pastor sênior', Ross Parsley, escreveu: "É importante para você saber que ele [Haggard] confessou aos seus superiores, que algumas das acusações contra ele são verdadeiras"... Haggard admitiu apenas que havia comprado metanfetamina e recebeu umas 'massagens de Jones' - por dentro -, mas negou ter usado a droga ou ter mantido relações sexuais com Jones... "Eu liguei para ele para comprar metanfetamina, mas eu joguei fora. Eu comprei para mim, mas nunca usei", afirmou Haggard, em entrevista à televisão, e acrescentou: "Eu estava tentado, mas eu nunca usei"...

Quando se tornou evidente toda a verdade, o porta-voz da Casa Branca, Tony Fratto, procurou minimizar a influência de Haggard sobre Bush, dizendo que Haggard era apenas ocasionalmente consultado pela Casa Branca, assim como outros líderes evangélicos, e que havia visitado apenas "um par" de vezes o presidente Bush... O que é uma vergonhosa mentira... Dobson também emitiu outra declaração pública dizendo que estava "deprimido" pelas novas revelações no caso Haggard, e que "a possibilidade de que haja ocorrido um relacionamento ilícito, é alarmante para nós e para milhões de outros"... James Dobson afirmou ainda que "[Haggard] continuará a ser meu amigo, mesmo que as piores acusações se confirmarem", mas "não obstante o pecado sexual, seja homossexual ou heterossexual, tem consequências graves"... 

Em 3 de novembro de 2006, Haggard renunciou a sua liderança da Associação Nacional de Evangélicos, que foi aceita... Em 7 de novembro, Leith Anderson foi nomeado como o novo presidente, e 'bem mais tarde', o conselho invocou o estatuto social da mega-congregação, e disse 'discretamente' que "a conduta de Haggard nos obrigou a retirá-lo de seu trabalho"... Debaixo de protestos, o "Conselho Supervisor da Igreja Nova Vida" divulgou um comunicado em 4 de novembro, alegando que Haggard tinha sido demitido como pastor sênior da Nova Vida: "Nossa investigação e as declarações públicas do pastor Haggard provaram sem dúvida que ele cometeu conduta sexual imoral"... Ross Parsley, o 'pastor associado sênior', foi então nomeado sucessor de Haggard...

Haggard, então, entrou 'aconselhamento', por uma equipe incluindo Jack Hayford e Barnett Tommy... Este último declarou a intenção de "realizar uma análise aprofundada da vida mental, espiritual, emocional e física de Haggard", incluindo o uso de testes de polígrafo... James Dobson se juntou à esta 'equipe vergonhosa', e mais tarde se afastou-se, alegando qualquer mentira... Mentir é bem evangélico... O que incluiu essencialmente, mentir para si mesmo... 

Em abril de 2007, a família Haggard mudou-se para Phoenix, Arizona, para começar a "salvação" do 'tio Ted'... Eles aderiram em Phoenix à Assembléia de Deus, e o pastor Tommy Barnett, passou a integrar a equipe de "salvação"... Haggard chegou à um acordo com a Igreja de Nova Vida, e ainda recebeu uma vultosa indenização, rsrsrs, mas ele foi obrigado a deixar Colorado Springs... O seu último salário foi de 138.000 dólares, não incluindo os benefícios.. Desde que o escândalo estourou, o faturamento da Igreja Nova Vida caiu cerca de 20 por cento... Como conseqüência, a igreja demitiu 12% de seus funcionários... 

Em 6 de fevereiro de 2008, o novo pastor na Igreja Nova Vida emitiu um comunicado anunciando que Haggard tinha pedido para deixar a equipe de "restauração" ou "salvação", e sendo assim, a restauração de Haggard era "incompleta", e ele não seria bem-vindo na congregação... Em Agosto de 2007, o ricaço Haggard divulgou um comunicado pedindo doações monetárias para ajudar a sustentar sua família, enquanto ele e sua esposa estudavam na Universidade de Phoenix... A mídia bombou com mais esta cara-de-pau deste marginal,  mostrando o absurdo de sua 'captação' de recursos, incluindo os cálculos sobre o seu salário de seis dígitos e seu milionário pacote de indenização... Antes do escândalo, além do salário, Haggard recebia bônus de aniversário de 85.000 dólares, e sua casa faraônica, avaliada em 600.000 dólares, havia sido comprada pela 'congregação'...  Haggard faturava mais pesado ainda em royalties sobre a venda de muitos livros religiosos, com mensagens contra gays e drogas... 

Mas vieram à toba a questão milionária da isenção de impostos, afinal, tudo isso opera "SEM FINS LUCRATIVOS"...  (com uma atividade 'sem Missão) Haggard pediu que as doações sejam enviadas para em seu nome... De acordo com Haggard, o seu grupo de "salvação" iria usar 10% das doações para os custos com o "tratamento", e encaminhar módicos 90% para Haggard... Mas o grupo já havia sido dissolvido, por solicitação do pilantra Haggard... Alguns dias após o e-mail do marginal, pedindo as doações, a sua 'ex-equipe' de "restauração", respondeu dizendo que a sua declaração havia sido "inadequado" - rsrsrsrs -, e que "Haggard estava atuando por conta própria"... Eles disseram ainda que Haggard não estava trabalhando no Centro dos Sonhos, e nem em nenhum outro "ministério", e "aconselhou" Haggard a procurar emprego "secular" para sustentar a si e a sua família... Isso me dá ainda mais orgulho do conceito de secular... Ou seja, desconectado deste mundo doentio e podre da crenças, em especial o evangelicismo norte, centro, e sulamericano... 

Em Junho de 2008, com o fim do "negócio" do rompimento com a Igreja Vida Nova, Haggard foi "livre para viver onde ele queria", e voltou para sua mansão em Colorado Springs... Também em Junho, veio à tona um e-mail em que Haggard admitia ter masturbado Jones e usado drogas, como alegado em 2006... A verdade e dose homeopáticas, como esperado para mega-trambiqueiros, farsantes, e dissimulados como Ted Haggard... Kurt Serpe, que forneceu o e-mail, disse ainda que Haggard "ansiava por sexo, e era um sexaholic"... 

Em novembro de 2008, Haggard disse em sermões às 'ovelhinhas' de uma igreja de Illinois, que suas ações tinham raízes em abuso sexual praticado por um adulto, quando ele tinha sete anos de idade... Ele também concordou em aparecer no documentário de Alexandra Pelosi, na HBO, sobre seu escândalo sexual, intitulado "The Trials of Ted Haggard - O Julgamento de Ted Haggard", que estreou na HBO em janeiro de 2009... De acordo com o documentário, Haggard começou uma nova carreira, agora vendendo seguros para VIVOS... Outro negócio pouco honesto...


Em 23 de janeiro de 2009, menos de uma semana antes do documentário ser lançado na HBO, um jovem do sexo masculino, da antiga congregação do 'Tio Ted',  declarou possuir provas de que em 2006, havia tido "relações sexuais consensuais, e que passou um longo período de tempo com Haggard. Não foi um ato isolado"... O 'pastor', sucessor de Haggard, Brady Boyd, disse que a Igreja chegou à um acordo de seis dígitos com o homem, que alegava ter 20 anos na época... De acordo com o homem, o contato não foi somente "consensual"... Mais tarde novas denuncias surgiram destas vez alegando que Haggard se masturbou na frente de um jovem que tinha 22 anos na época... O homem, Grant Haas, acrescentou que a Igreja Vida Nova pagou 179.000 dólares aos "conselheiros", por sua "salvação", além dos custos de sua faculdade... Haggard admitiu abertamente para o ocorrido com Haas na CNN e em outros meios de comunicação, e quando perguntado se ele havia mantido outras relações homossexuais, ele não dissimulou com evasivas, e nunca forneceu uma resposta direta... No rescaldo desta nova onda de escândalos, o fatiramenteo da Igreja de Nova Vida entrou em queda, levando à uma segunda rodada de demissões em fevereiro de 2009....

Mas a "New Life", ainda conta com 10.000 adeptos, cujo desvio psicológico de confirmação, chega ao extremo de haverem passado por tudo isso sem entender nada... Sem condições, imersos na vulnerabilidade da crença na crença, de esboçar reação e ao menos endereçar a verdade...

Em janeiro de 2009, após o lançamento do documentário, Haggard e esposa Gayle apareceram no 'The Oprah Winfrey Show', 'Larry King Live', 'Good Morning America', e outros programas nacionais de televisão para oferecer um "pedido público de desculpas" e sua "confissão"... Absurdo... O casal não saia da mídia, e faturando pesado com o escândalo... O casal também apareceu no programa "Divorce Court", em abril de 2009, alegando o óbvio, "que sua esposa pretendia se divorciar dele depois do escândalo, e dizendo que ele achava que tinha se tornado tão tóxico que o divórcio seria a melhor para Gayle e seus filhos", e tirando onda de herói... 

Pasmem vocês, mas uma peça foi encenada sobre o caso Haggard em 11 de março de 2009, e ele participou de uma performance em Nova York... É mole??? Em agosto de 2009, Haggard disse à revista "Charisma": "Eu não acredito que a minha experiência de infância seja uma desculpa para cair em pecado, eu sou o responsável, e eu me arrependi"... Ele também exaltou as virtudes dos "salvadores", e a sua "restauração" hétero e 'cristã': "Eu recomendo aconselhamento cristão qualificado, para quem perder a sua luta com qualquer tipo de pensamentos ou comportamentos compulsivos, e acredito que a nossa geração de crentes vai ter que aceitar que nem sempre o problema é a falta de fé. Se eu tivesse ido para o aconselhamento antes, eu provavelmente poderia ter evitado completamente minha crise"... 

Desde as "transmissões de arrependimento", Haggard e sua esposa visitaram igrejas e apareceram em programas de rádio e televisão, e começaram novamente a desenvolver a sua CLIENTELA, protagonizando "sessões de cura", para gays, viciados, etc... alegando que "o Evangelho pode dar as respostas para aqueles que violam os padrões bíblicos"... O casal faturou pesado nos últimos anos, explorando o escândalo... Em novembro de 2009, Haggard começou a realizar cultos, percebendo o mercado lucrativo dos 'pecadores enrustidos', e que necessitam de absolvição... A Igreja Católica foi a precursora com as indulgências... O velho esquema de incutir o medo para vender a salvação... Pessoas que se comportam de forma diferente, vivem sob o peso do pecado, e pagam pelo serviço dos 'exorcistas' evangélicos, como o patético e criminoso Ted....

Haggard já está de volta o mercado do 'seguro para mortos', o lucrativo negócio da fé... Em maio de 2010, Haggard anunciou que estava assumindo a gerência contábil de uma nova igreja... Em junho de 2010, Haggard passou a operar uma igreja completa... 

Em seu retorno ao 'NEGÓCIO DA FÉ' - SEGURO PARA MORTOS -, Haggard chegou a fazer alegações cínicas como essa: "Nos velhos tempos, quando alguém ficava em apuros, era só viajar 40 ou 50 milhas, ou uma centena de quilômetros, e eles poderiam começar de novo em outra cidade. Não mais"... Em 4 de novembro, Haggard publicou uma mensagem em seu Twitter "Espiritual", anunciando o seu retorno o negócio... O marginal passou a se referir ao seu status como um "ressurreição" de sua morte e sepultamento... E comparando-se ao personagem da fábula crística... 

A Newsweek de 07 de Junho de 2010, criticava a estória de Haggard, que voltou à Cruzada Anti-gay... Em Julho 2010 em uma entrevista para a CNN, Haggard afirmou que a sua atração sexual por outros homens havia "MILAGROSAMENTE" desaparecido...  Haggard retratou seu encontro com o garoto de programa como "uma massagem que não deu certo"... Uma massagem por dentro, uma endo-massagem... Que canalha...

E a desonestidade deste facínora não descansa, o cara faturou em cima do escândalo, manipulando toda a questão... Ilusionista que é, tratou de mudar o foco, e claro, capitalizar com sua notoriedade, afirmando por exemplo que acredita no que é conhecido como "a Terceira Onda do Espírito Santo", e assina o conceito, e enrola um pouco mais referido-se ao "Penta-Ministério", uma piada crente, muito associada ao movimento carismático... Ele afirmou que acredita que há um Deus onisciente, o que não é nenhuma originalidade, e que "os seres humanos foram criados para estar com ele"... E daí???

Haggard em seus discursos e seus livros, sempre abusou da verborragia apologética, indo do nada a lugar algum com muitas metáforas simplistas, e maniqueístas... Em 2005, Haggard foi listado pela revista Time como um dos 25 líderes evangélicos mais influentes nos Estados Unidos... Haggard foi um firme defensor do ex-presidente dos EUA, George W. Bush... O autor Jeff Sharlet declarou que relatou que em 2005 Haggard "falava com Bush ou seus assessores toda segunda-feira", e afirmou que na época, "nenhum pastor nos Estados Unidos tinha mais influência sobre a direção política do movimento evangélico"...

Em 2006, Haggard e sua igreja apoiaram a "Emenda 43" à Constituição do Colorado, definindo que "Só uma união de um homem e uma mulher é válido ou reconhecido como um casamento neste estado"... Embora no Colorado a lei já definisse o casamento como sendo entre um homem e uma mulher, Haggard e outros oponentes do casamento gay procuraram consagrar a proibição na Constituição do Estado, de modo que o Supremo Tribunal do Colorado, não tenha poderes para declarar a lei inconstitucional... No aterrorizante e REAL documentário "Jesus Camp", Haggard diz: "... nós não temos que debater sobre o que pensar em relação à atividade homossexual. Está escrito na Bíblia"... Malafaia e Feliciano, entre outros hipócritas e marginais, como Jorge Mário, etc, pensam o mesmo... Mas a 'queimada de rosca' deu uma outra visão a Haggard, que passou a apoiar uniões civis para homossexuais, e finalmente chegou até mesmo a apoiar o casamento homossexual como uma instituição civil, dizendo que, mesmo que ele ainda acredite ser proibido pela lei bíblica, ele sente no entanto que "é preciso ter cuidado para não inculcar a lei bíblica nas leis civis"... Um notável avanço... 

Haggard já apareceu em vários programas de transmissão de rede, incluindo 'Dateline NBC', 'ABC 20/20', 'Jesus Camp', os documentários do History Channel 'O Anticristo', a 'Espada de Constantino', assim o documentário da HBO 'Deus: uma viagem com Alexandra Pelosi'... Em 2009, Pelosi fez 'The Trials of Ted Haggard', um filme que documentou a vida de Haggard no "exílio" após o escândalo, que foi ao ar na HBO... Até à data, este documentário foi mostrado mais de quarenta vezes na HBO... Trials tem recebido elogios da crítica...


No início de 2006, o biólogo evolucionista Richard Dawkins entrevistou Haggard no vídeo que aparece no início deste post, como parte de um documentário para a televisão britânica, intitulado "The Root of All Evil" - As Raízes de Todo o Mal... Durante esta entrevista, Dawkins conversa com Haggard sobre contradições bíblicas e sobre o conhecimento gerado e acumulado pela ciência... Em resposta, Haggard afirmou "abraçar plenamente o método científico", rsrsrsrs, mas em seguida, declarou que as conclusões desse método em relação à idade da Terra e evolução não passam de "pontos de vista que são aceitos em apenas alguns grupos da comunidade científica"... Quando Dawkins apontou equívocos na falsa noção de Haggard sobre a teoria da Evolução, em função de exemplos citados por Haggard, alegando que "órgãos complexos como o olho surgiram espontaneamente", Haggard perdeu as estribeiras e chamou Dawkins de arrogante...

Quando Dawkins e sua equipe de filmagem se preparavam para partir, Haggard ordenou todos saíssem "de suas terras", dizendo  "você chamou os meus filhos de animais", e ameaçou tomar medidas legais e confisco de seus equipamentos de gravação... Isso tudo porque Dawkins tentava explicar como a Evolução operava...  

Em uma entrevista publicada na edição de Fevereiro de 2011 da Revista de Moda Masculina GQ, Haggard disse: "Eu acho que, se eu tivesse 21 anos na sociedade atual, gostaria de me identificar como um bissexual"... 


E preciso esclarecer, intimidades à parte, que o único crime de Haggard, e que considero hediondo, é enganar pessoas... Estorquir dinheiro de pessoas, que estão desesperadas... O crime aqui é a inenarrável história de hipocrisia protagonizada por este calhorda... Este cara é sabidamente doente, e aqueles que o seguem estão tomados por vulnerabilidade inescrutável, ou também padecem da mesma doença... Profundos desvios psicológicos de confirmação cognitiva... Acéfalos em Cristo, ou em qualquer outra crença, dependentes que estão da 'crença na crença'...  Não consta que a igreja de Haggard tenha fechado às portas, nem antes, nem depois...


E tenho dito...

Carlos Sherman

Nenhum comentário:

Postar um comentário