Pesquisar este blog

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Mundo Marxiano



Mundo Marxiano

Esse papo de esquerda bacana, e direita filho da puta, reedita a pobre e infantil dicotomia do cristão moral e do ateu imoral... E não se esqueçam: a utopia marxista nada mais é do que a substituição do cristianismo fustigado por Nietzsche - que só empurrou para dentro do gol... A morte de deus foi encomendada por Lucrécio e executada de fato por Jean Meslier... 


"Contar-se-ão nos dedos da mão, os comunistas que chegaram à Revolução pelo estudo do marxismo... Convertem-se primeiro e só depois leem as Escrituras..."
Albert Camus(O Homem Revoltado - L´homme révolté)


Todos os parâmetros messiânicos estão em jogo e em cena, o rito, a catequese, a obediência cega, a submissão, a 'divindade' do líder imaculado - embalsamado, ou reinando enquanto morto -, a utopia do nirvana - que não pode ser refutado, porquanto nunca foi e nunca será encenado... 

Órfãos do deus sumério-judaico-cristão-islâmico, agora militamos em favor das hostes marxistas e contra o império do mal capitalista... E é o que se vê... Descrentes não passam de crentes quando mudamos o tema... Muitos com quem cruzo nas redes sociais rendem devoção à utopia marxista, relacionando-a com a mais absoluta tese de moralidade, enquanto rotulam e embalam no mesmo achaque aqueles vis capitalistas... E nenhuma precisão semântica é tentada, e seguimos sem entender o que seria esquerda, direita, elite, povo, democracia, comunismo, marxismo, socialismos, social-democracia, etc, etc...

Marx declara do alto de sua ambição haver compreendido TUDO, e escolhe o seu satã: a propriedade... O homem pode ser salvo, basta desapropriar-se... Mas ideólogos caras-de-pau gozam da vantagem de não precisar encenar a realidade... Este também foi o caso de Rousseau e a sua falácia do bom selvagem, profetizada sem jamais sujar os pés... Marx vive aristocraticamente em Londres, enquanto os seus filhos morrem de inanição... Pouco inclinado ao trabalho, embora dirija-se aos trabalhadores, é sustentado pelos LUCROS da fábrica têxtil de PROPRIEDADE de Engels... 

'O Capital' é tão fraco, que antes de ser lançado já havia sido amplamente refutado, de forma que hesitou e tardou 5 anos para ser publicado... Marx não viveu para ver os estragos de sua ambição messiânica, e Engels aproveitou-se do mito... Um filósofo meia-boca escrevia uma obra de economia, que terminava sendo um tratado de sociologia - muito sangue foi derramado em nome de toda esta sandice... 

Rejeito o ímpeto infantil da juventude dita revolucionária - ontem e hoje - invertendo e subvertendo a 11a. e conclusiva Tese de Marx sobre Feuerbach: POIS A QUESTÃO NÃO É MUDAR O MUNDO, MAS ANTES, E SOBRETUDO, COMPREENDÊ-LO... 

Com vãs crendices marxistas jamais entenderemos como a realidade se processa... É necessário diagnosticar para prognosticar, entender para transformar... Antropologia, Ciência Histórica, Neurociência, Genética Comportamental, Psicologia Social e Evolucionária - e observem que não citei a Sociologia, porquanto está amplamente fundada sobre falácias... Apontar o dedo sujo para culpar e condenar não nos levará a nada, senão ao totalitarismo - e foi o que se viu... As revoluções, hoje sei, são o pretexto para brutalidade... 

Deus está morto, e o marxismo trata de arbitrar novas fundações, acreditando que os ventos da história sopram a seu favor... O mundo está agora sob nova direção... O marxismo trata de afirmar que devemos ir daqui pra, e que a 'História' está do nosso lado... Trocando-se 'História' por 'Imperativo Categórico' temos Kant, e trocando por Deus, temos então mais uma promessa de 'salvação utópica'... 

A liturgia revolucionária é uma aposta de tudo ou nada... Quem pode pagar este cacife? Quem, em sã consciência fará esta aposta sem qualquer segurança de estarmos escolhendo o caminho certo? Por que não seguir o caminho do melhoramento contínuo? Por que vamos mal? Vamos? Diminuímos a violência em 100 vezes, a mortalidade infantil em 40 vezes e triplicamos a expectativa de vida... Poderíamos estar melhores, é verdade, mas estamos melhorando... 

REVOLUCIONÁRIO, DE FATO, É SER RESPONSÁVEL, CONSEQUENTE, LÚCIDO... 

Para ir daqui pra lá é preciso saber onde estamos de fato, e precisamos de informação confiável... E temos informações em nossos dias, e que não dispúnhamos no apagar das luzes do século XIX... Podemos fazer melhor... Estudem... Estudem Tony Judt e Timothy Snyder em 'Pensando o Século XX'... Confrontem toda a vitimologia escatológica reinante com Jared Diamond em 'Colapso' e 'Armas, Germes e Aço'... Entendam a História que Marx outros não foram e não são capazes de entender até aqui... Não sejam inocentes úteis, são saltem de um rebanho a outro...

Riam de mim, enquanto rirei às gargalhadas de vossa ignorância quando chancelam aos americanos de 'imperialistas' sem ao menos destacar uma nota de rodapé para citar aqueles que hodiernamente protagonizaram verdadeiros e concretos atos de 'imperialismos': o Império Soviético e o Império Turco-Otomano... Estes sim invadiram, usurparam, sub-julgaram... Em um mundo mapeado e com fronteiras imaculadas, os americanos jamais sonharão com tal glória...

Todos os povos do planeta jogaram o jogo de dominantes e dominados, colonizadores e colonizados... E não me falem de Vietnam se desconhecem a antecedente guerra da Korea, onde Russia e China armaram o norte para que invadissem e dominassem o sul - e sem trégua... O objetivo era a doutrinação religiosa marxista... Pois a intervenção americana foi solicitada e a empreitada bem sucedida... Uma Coréia do Sul livre pode exibir ao mundo os resultados de seu liberalismo... Sobre a Coréia do Norte, podemos dizer que trata-se de uma tirania governada pelo fantasma do avô de um imbecil... O Vietnam viria em seguida, o tabuleiro parecia o mesmo, mas o resultado foi bem diferente, e o Vietnam é o que é... 

A História é um processo contínuo, contingente e convergente, e sem ninguém pilotando o seu destino, mesmo que 'manos negras' estejam sempre à postos para intervir em seu destino... Janelas históricas, abertas aqui e ali, permitem que psicóticos assumam o poder - hoje menos do que antes... Mas existe uma distribuição genética para cleptocratas, autocratas, ambiciosos doentios, de Mumbai a Moscou, de New York a Quixeramobim, de Lagos a Lahore... Esta é a saga humana... Não compreendê-la nos conduz diretamente à condição de não saber como transformá-la... 

Pensem sobre isso, aderimos à doutrinas e escolhemos pares para relacionamento por meio de efeitos subliminares e inconscientes, para só então remontar a cena com aparente racionalidade... Pensem nas implicações... Podemos aderir a uma causa pela eloquência do 'vendedor'... Bons contadores de estórias arrastaram multidões e mudaram o curso da História... Juízes alteram o seu julgamento moral em função da Serotonina, e mais especificamente por estarem mais ou menos alimentados ou saciados... A oxitocina e a vasopressina interferem diretamente em nossos julgamentos morais... O gene MAOA está envolvido em nosso reflexo da violência recebida... 

O escocês Adam Smith não foi nenhum algoz capitalista selvagem e sim um tremendo filósofo... Sua primeira obra-prima não foi a impagável 'História da Riqueza das Nações' e sim 'Teoria dos Sentimentos Morais'... Smith trata de entender o comportamento humano, e antes de tudo... Marx subverte tal mensagem... O que Smith entende por inciativa e liberdade está diretamente relacionado com as virtudes do trabalho, e não da avareza; muito embora Smith reconheça que estamos cercados de cleptocratas, autocratas, e ambiciosos... E está é a realidade que o comunismo - muitas vezes travestido de socialismo - nunca entendeu... O ímpeto de vencer, conquistar, é humano... Precisamos moderar isso, e Nolbert Elias bem descreveu este processo em seu 'Processo Civilizador'... 

A vantagem das utopias é que nunca serão postas à provas, como já dito... O marxismo surge como lei universal, e dá com os burros n´água em rigorosamente todas as suas iniciativas, mas tal e qual a dialética religiosa, tratam de jogar tênis sem rede... Se deu certo foi deus, ou foi virtude do marxismo... Se deu errado fodeu, foi culpa do demônio ou do capitalismo... Mas não existe esta praga animista chamada capitalismo... Isso também é besteira... Existe um sistema internacional de trocas voluntárias, onde todos os protagonistas são rigorosamente diferentes entre si... Americanos, suecos, neozelandeses, árabes, ugandenses, chineses, russos, coreanos, e brasileiros nada têm em comum senão o ímpeto de lutar por melhores condições... 

O marxismo reclama a exclusividade na previsão do futuro, baseados em nada mais do que nada... Uma espécie de bola de cristal gótica... Os chineses chamaram sua revolução de 'cultural' queimando livros... Esta é arte rabínica da dialética, ou melhor dito, a arte de 'sempre cair de pé'... 

Epistemologicamente falando, a social-democracia - e já está amplamente provado - não é nada mais do que liberalismo econômico com responsabilidade social... Tais rótulos são meras bandeiras do faz-de-conta, enquanto temos uma agenda urgente para os nossos dias e para o nosso país, como por exemplo: 
1) Voto aberto em todas as instancias parlamentares e judiciárias; 2) Independência completa e sobretudo política do Judiciário em relação ao executivo - nada de nomear ministros; 3) Fim da obrigatoriedade do voto - quem não sabe em quem votar não deve ser obrigado a 'cagar' na urna; 4) Equiparação dos crimes contra o erário com crimes hediondos - por atentarem contra a nação, violentando a esperança de um povo; 5) Aplicação da lei no caso de estelionato praticado por agremiações ditas religiosas; 6) Fim da isenção fiscal para agremiações religiosas ou de classe, e que operam como verdadeiras empresas... 

Isso é só um passo, visando melhorar a qualidade de nossos governantes além da transparência de suas ações... Aí virão os verdadeiros desafios, educação, saúde, segurança... Outras nações trilharam este caminho, e estão vivendo dignamente... 

Despeço-me parafraseando e alterando as sábias palavras de 'alguém', e que foram atribuídas a 'outrem', em um flagrante caso de criptonésia: O PODER É COMO O VIOLINO, TOMA-SE COM UM DISCURSO 'DITO' DE ESQUERDA E TOCA-SE COM UMA ATITUDE 'DITA' DE DIREITA... 

Afinal amigos, QUAL É O LADO DO PODER?

Carlos Sherman

Nenhum comentário:

Postar um comentário